Contactos

geral@rotassolidarias.org
Para informações gerais

programas@rotassolidárias.org
Para efectuar a inscrição num dos programas

+351 912120620
https://www.facebook.com/RotasSolidariasSolidarityRoutes/
https://twitter.com/solidarityroute

Imprensa

Ilha Boa Vista – Cabo Verde

Na ilha da Boa Vista focamos a nossa actuação  na área da educação. Através do programa Viajar e Cooperar foi possível levar, entre 2014 e 2015, alguns participantes à ilha e desenvolver diversas acções educativas no Centro Educativo Nossa Sr.ª da Boa Esperança. Com as crianças do  CENSBE promovemos as seguintes acções:

  • Ateliers de Expressão Plástica que ajudaram as crianças a colocar em prática a sua criatividade e a desenvolver a sua capacidade de expressar emoções e sentimentos. Colocamos a Arte ao serviço das Crianças!
  • Acções de Formação para os alunos do 1º ciclo, explicações e acompanhamento aos trabalhos escolares
  • Dinâmicas de Grupos que contribuíram para estimular a criatividade, incentivar a socialização e principalmente para descontrair e divertir!
  • Visitamos a ilha, convivemos com a população, provamos da sua gastronomia, ouvimos música…vivemos o seu quotidiano!

Actualmente estamos a trabalhar em conjunto com a Escola Secundária da Boa Vista na implementação do programa Rota dos Livros 

Paralelamente estamos a organizar, com o apoio da Academia de Futebol Clip Sport, uma campanha de angariação de material de desporto  – Já não vais usar? O melhor é doar!” que tem como objectivo recolher chuteiras, caneleiras, luvas, t-shirts, calções, coletes, mochilas, bolas de futebol, entre outros, para entregar à Escola Secundária da Boa Vista.

São muitas as necessidades na ilha, toda a ajuda é bem-vinda! Se quiser participar no programa Viajar e Cooperar – Boa Vista consulte todas as informações disponíveis nesta página ou contacte-nos geral@rotassolidarias.org.

Existe um conjunto de iniciativas em que se pode envolver enquanto explora um lugar novo e descobre outras culturas.
Poderá dinamizar oficinas artísticas e educativas com crianças e jovens; ensinar um idioma; apoiar com explicações; ajudar na elaboração dos trabalhos escolares; realizar acções de formação em diferentes áreas; apoiar a escola local na logística diária; organizar a biblioteca, melhorar infra-estruturas; ajudar a organizar os bens angariados, criar uma horta comunitária… e muito mais!

 

A natureza no seu estado mais puro, assim se caracteriza a ilha da Boa Vista. Paisagens maravilhosas de extensas praias de areia dourada e água cristalina, clima ameno durante quase todo o ano criam as condições para que esta seja uma das ilhas cabo-verdianas mais visitada. Mas Boa Vista é muito mais do que paisagens maravilhosas, é o espirito da MORABEZA – o gosto e a arte de bem receber tão característico dos cabo-verdianos. MORABEZA (origem crioulo) significa Bem-Vindo, também lhe é atribuído, pelos habitantes locais, o sentido de gentiliza, alegria, simpatia e amor, que na realidade é tudo que faz parte da atitude de bem receber. Uma ilha de pessoas afáveis e amáveis, que acolhem com uma simpatia contagiante e sempre com um sorriso nos lábios.

 

Custos de Participação (por pessoa)

775€ (IVA incluído) + VOOS
Programa organizado em colaboração com os parceiros turísticos

Organização do voo (valor indicativo 520€)

Optamos por não incluir o valor da deslocação para que possa a escolher a melhor solução para si. Se pretender ajuda na organização do voo, p.f. contacta-nos
Data Programa
Estamos a organizar um grupo para viajar de 16 a 30  de Setembro de 2017. Caso estas datas não sejam possíveis para si p.f. contacta-nos
Os programas são organizados para um período de 15 dias. Caso queira outra estadia, p.f. contacta-nos

geral@rotassolidarias.org

Quero Participar
Roteiro Ilha Boa Vista

1.º Dia
Chegada ao aeroporto Internacional da Boa Vista. Transporte aeroporto-alojamento.

2.º Dia
Adaptação e desfruto da ilha.

3.º ao 14.º Dia
Desenvolvimento do trabalho social com a comunidade.

Tempo livre para usufruir dos encantos da ilha, provar a gastronomia típica, ouvir música africana, experimentar mergulho.
Nos meses de verão pode aproveitar para passar a noite na praia e ver a desova das tartarugas.

15.º Dia
Regresso. Em hora a determinar localmente será realizado o transporte para o aeroporto, partida e fim do programa.

Alteração do Programa
Caso seja necessário, tendo em conta o interesse de todas as partes envolvidas, poderão ser efectuadas adaptações favoráveis à boa concretização do programa.

Organização

O que está incluído no programa?

Acolhimento no aeroporto.
Transfer aeroporto – hostel-aeroporto.
Alojamento em hostel quarto individual com pequeno-almoço; internet wifi.
10 Almoços (durante a semana).
Orientações e informações sobre a ilha, programa e actividades; trabalho administrativo e de gestão do programa.

O que não está incluído no programa?

Os custos com os voos e taxas de deslocação até ao país do programa. Desta forma tem flexibilidade para escolher a melhor solução, actualmente há muitas formas de se deslocar a preços acessíveis.

Para participar é obrigatório um Seguro de Viagens que cubra despesas médicas e de repatriamento. Pode escolher a melhor solução através da Seguradora ou em muitos casos as companhias disponibilizam seguros opcionais na aquisição do bilhete.

Vistos, passaporte e despesas associadas à obtenção do mesmo.

Consulta do viajante e medicação (em caso de necessidade).

Despesas de carácter pessoal; alimentação não especificada no programa; gratificações de qualquer espécie; entradas em monumentos e museus; actividades e visitas extra, assim como, todos os serviços não mencionados no programa.

Descrição custos programa

O valor do programa engloba:

O pagamento dos serviços organizados pelos parceiros.

Uma percentagem do valor gerado pelo projecto Rotas Solidárias é doado à comunidade para colmatar necessidade identificadas e dar continuidade aos projectos sociais

Taxa de inscrição, esta é a única fonte de rendimento que as Rotas Solidárias recebem para a sustentabilidade do projecto. Contribui para manter os custos de promoção e marketing, custos administrativos, despesas para realizar visitas de acompanhamento aos projectos sociais em todos os países que actuamos e custos com a equipa do projecto.

Como Participar

É simples… basta enviar um email para geral@rotassolidarias.org com o a identificação do programa e a disponibilidade de datas para viajar e receberá toda a informação necessária para mergulhar numa experiência única.

Política de Cancelamento

Por se tratar de um programa combinada entre diferentes parceiros e sujeita a determinadas condições, qualquer cancelamento por parte do participante pode produzir taxas de cancelamento:

  1. Superior a 15 dias, pena de 40% do preço total do programa
  2. Entre 15 e 7 dias, a penalidade de 60% do preço total do programa
  3. Menos de 7 dias, a penalidade de 100% do preço do programa
Informações úteis

Quem pode participar
Os programas destinam-se a pessoas a partir dos 18 anos ou menores acompanhados por um adulto responsável, desde que reúnam condições de saúde.

Requisitos
Para se envolver num dos programas não é necessária qualquer experiência prévia, somente vontade e energia para atingir os objectivos de todas as actividades.

Língua oficial é o português, língua materna é o crioulo;

Moeda oficial é o Escudo Cabo Verdiano, o Euro é aceite sem restrições, 1€ equivale aproximadamente 110,265 Escudos Cabo Verdianos; Cartões de Crédito, Visa e Mastercard só são aceites em alguns hotéis;

Visto Turístico é necessário, deve ser solicitado junto das respectivas embaixadas ou consulados. Custo indicativo em Portugal 50€

Número de horas de Voo: aproximadamente 3 a 4 horas. Diferença Horária: menos 2 horas no horário de Verão e menos 1 hora no horário de Inverno;

Não há vacinação obrigatória, mas é aconselhava perguntar ao médico cuidados a ter. É aconselhável levar os medicamentos básicos, tais como aspirinas, reguladores intestinais, pomadas, pensos, repelente para insectos, protector solar;

Clima, a temperatura média anual do ar é sensivelmente de 25º, as estações do ano são fundamentalmente duas: a das chuvas e a da seca ou tempo das brisas;

Vestuário é aconselhável roupa leve de tecidos naturais, fato de banho, óculos de sol, chapéu, chinelos, para o dia, e uma malha de manga comprida e calças para a noite (evita a picada de mosquitos e a brisa marítima que arrefece ao luar).

Quem participa deverá ter em consideração que por vezes o contexto africano tem limitações que o tornam pouco estruturado, pelo que poderá ser necessário integrar diversas actividades ou dar resposta a necessidades identificadas no momento.

 

Viajar e Cooperar é uma forma inovadora e sustentável de conhecer o mundo, tem o propósito de colaborar com a comunidade ao mesmo tempo que proporciona ao participante o conhecimento da cultura local.